9 de jun de 2009

Alunos ocupam a reitoria da UNB


Estudantes exigem troca de decana e reforma no setor de moradia gratuita Cerca de 40 estudantes ocupam, desde o final da tarde de ontem, a sala de reuniões da Reitoria da Universidade de Brasília (UnB). Eles protestam contra a situação precária da Casa do Estudante Universitário (CEU) e pedem o afastamento da decana de Assuntos Comunitários, Rachel Nunes. Os manifestantes entregaram uma pauta de reivindicação ao reitor da UnB, José Geraldo de Souza, e pretendem ficar no local até serem atendidos. Entre os pontos questionados estão o pedido de reforma da CEU, a autonomia política do Serviço de Moradia Estudantil, o aumento de bolsas para pesquisas, a construção de calçadas e a melhoria nos serviços de transporte, saúde, iluminação e segurança no campus.ImposiçãoDurante à tarde e início da noite, o reitor tentou conversar duas vezes com os estudantes. No entanto, eles se recusaram a negociar, a menos que a decana deixasse o cargo. "Até certo ponto, não acho esse movimento legítimo. Eles estão usando um instrumento que deveria ser utilizado, apenas, em casos extremos, quando a negociação não é possível", lamenta José Geraldo. Até o final desta edição, o clima estava tranqüilo na Reitoria. Os manifestantes, em sua maioria moradores da Casa do Estudante, estão na Sala de Atos, na Reitoria da universidade. A última ocupação da Reitoria da UnB foi realizada em 3 de abril de 2008. Na época, mais de 100 estudantes organizaram um movimento que culminou na renúncia do ex-reitor Timothy Mulholland. Na época, o gabinete do reitor ficou ocupado por 13 dias. O movimento e as pressões resultaram na saída de Timothy do cargo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário