22 de jun de 2010

Por 16 votos a três câmara cassa o mandato de Eurides Brito

A deputada Eurides Brito (PMDB) teve seu mandato cassado por quebra de decoro parlamentar. Com votação secreta entre os distritais, a sessão especial, aberta ao público e à imprensa, iniciou no plenário da Câmara Legislativa por volta das 15h30 desta terça-feira (22). Foram 16 votos a favor da cassação, três votos contra e três abstenções. O distrital Roberto Lucena (PR) se absteve da votação. Eurides é a segunda distrital a ser cassada nos 20 anos de história da Câmara Legislativa. O primeiro foi Carlos Xavier, em 2004.

Nenhum comentário:

Postar um comentário