22 de nov de 2011

PPS discute permanência na base do governo Agnelo

A executiva nacional do PPS vai se reunir nesta terça-feira (22) para deliberar sobre o apoio ao governo de Agnelo Queiroz (PT). O partido, que é oposição ao governo de Dilma Rousseff, vai analisar uma carta do ex-deputado Raul Jungmann (PPS-PE). Ele defende o rompimento em virtude das denúncias envolvendo o nome do governador em supostas irregularidades no programa Segundo Tempo e na Anvisa. No DF, no entanto, o PPS é governista. O deputado distrital Alírio Neto, eleito pelo partido, exerce o cargo de secretário de Justiça e Cidadania. Defende a permanência da legenda na base. Outro distrital do PPS, Cláudio Abrantes também quer manter o apoio. A decisão, no entanto, é nacional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário