17 de jun de 2010

Aliados de Rosso querem impedir votação de delegados de zonais

Grupo ligado ao governador do DF, Rogério Rosso (PMDB), estuda entrar na Justiça para impedir que 51 dirigentes do partido votem na convenção marcada para o próximo sábado. Essas pessoas foram nomeadas delegados de zonais por meio de um ato da executiva regional presidida por Tadeu Filippelli. As nomeações dos delegados de zonais ocorreram em junho. Os colaboradores de Rosso, a favor da candidatura à reeleição do governador, consideram que os 51 votos não seriam legítimos, já que esses dirigentes foram nomeados e não eleitos. Além deles, o edital da convenção também convoca os 71 integrantes da executiva regional para votar no sábado.Os dirigentes estão sendo chamados a opinar sobre a chapa registrada por Rosso nesta manhã. Ele se coloca como candidato à reeileição e sugere como vice o nome de Ivelise Longhi, que hoje já é sua substituta à frente do GDF.É provável que o expediente usado para tentar impedir a participação dos delegados de zonais seja por meio de uma ação cautelar inominada com pedidio de antecipação de tutela na Justiça comum.

Nenhum comentário:

Postar um comentário